Bandeirada, Lewis mostra como faz

Publicado: 13/06/2010 em Bandeirada
Tags:

E o Canadá voltou ao mundial de F1, ótimo para a categoria, melhor ainda para o público canadense que gosta de fórmula 1 aos contrário de turcos e outras barangas ao redor do mundo.

E por falar em Turquia, a aproximação que as Mclarens ensaiavam em Istambul se confirmou na ilha de Notre Dame,  fica claro que as RBR ainda são muito boas, mas as Mclarens chegaram e com o talento dos pilotos e a competência do staff se tornou muito possível bater os touros vermelhos.

Desde o primeiro treino livre as flechas de prata se mostraram rápidas nas lonagas retas canadenses, o que fez a RBR apostar em uma tática ousada, abrindo mão da pole no sábado para supostamente ter um tática melhor para a corrida, acreditando que largar com os pneus duros no abrasivo circuito Gilles Villeneuve traria a vitória assim que os carros de Woking parassem para trocar de pneus.

Mas o que os touros vermelhos não esperavam era a diferença técnica entre seus pilotos e os pilotos ingleses da Mclaren e o espanhol da Ferrari, os três que disputaram até o fim o GP do Canadá, com vantagem final para um inspirado Hamilton, que é o maior talento da F1 atual, talvez ainda não tenha essa cabeça toda, mas é o maior talento ponto.

No resultado final Button em segundo seguido Alonso e Hamilton lidernado com justiça o mundial, pois ao contrário de Webber e Vettel mostra que não se vence apenas quando se tem o melhor carro e se dispara na frente dos demais, vamos acompanhar o desenvolvimento de Mclarens e RBR´s para ver o que acontece.

Sobre os brasileiros é até chato comentar mas vamos lá: Massa conseguiu bater cinco vezes na mesma Force Indian na primeira curva, e depois aprendeu que o Shummy não alivia para ninguém, vai chorar na cama a 15ª posição e mais uma derrota na briga interna com o espanhol. Barrica se enrolou na largada e não teve nada mais digno de nota durante toda a prova, Di Grassi se arrastou até o final e Senninha nem isso.

Ah e sou obrigado a destacar a forma como Hamilton conquistou a pole no sábado, com o cronômetro zerado gasolina no fim, lembrou um certo piloto de quem sentimos muita saudade, e o retorno empurramdo o carro foi sensacional.

Anúncios

Os comentários estão desativados.